Anéis Masculinos - Como Usar

Anéis masculinos: 6 dicas de como usar o acessório

Acessórios cada vez mais recorrentes, os anéis masculinos são ótimas opções para quem deseja compor um estilo único e que demonstre sua personalidade. Não à toa, esse segmento de mercado cresce a cada ano, ampliando as opções para os homens e trazendo modelos que estão de acordo com os mais variados gostos.

Para extrair ao máximo o que essa tendência traz, é preciso conhecer as melhores e mais assertivas formas de utilizar esse acessório. Pensando nisso que trazemos um artigo completo, elencando 6 dicas de como usar os anéis masculinos, aumentando suas possibilidades e chamando a atenção pelo bom gosto, além do estilo singular.

1. Distribua nas duas mãos

KIT ANEL ORAÇÃO PAI NOSSO
Confira nosso Kit de Anéis com a oração do pai nosso por apenas R$59,90

A primeira e indispensável dica é distribuir os anéis nas duas mãos. Ao utilizar em ambos os lados, qualquer situação mostrará que você preza pelo cuidado estético e de acordo com o seu perfil.

É até corriqueiro perceber que a pessoa ou tem um anel em algumas das mãos (geralmente a dominante, sendo a direita para destros e a esquerda para canhotos), ou possui várias peças nos dedos de apenas um lado.

Quando se opta por variar os anéis em ambas as mãos, torna-se mais fácil compor diferentes estilos e combinar padrões, formatos e metais. Também, podem casar com relógios e pulseiras onde você quer mais destaque, sem deixar a outra mão ‘nua’.

Por fim, mais uma dica importante: evite deixar os dois lados da mesma forma, criando uma simetria indesejável. Varie e crie sua própria composição, como cores e formatos diferentes.

 

2. Seja minimalista, evite o excesso

Outro conselho indispensável é ser minimalista, evitando o excesso. Utilizar vários anéis, mesmo que espalhados pelos 10 dedos das mãos traz uma série de problemas que vão além da estética, que fica comprometida pela ‘confusão’ que diversas joias causam para quem as observa.

Um dos principais contratempos é algo básico: compromete-se a forma como você utiliza as mãos, como para lidar com alimentos. Além de necessitar a remoção, como momentos em que irá lidar com produtos abrasivos, ainda possui uma grande chance de enroscar em vários lugares.

Além de tudo isso, o barulho pode ser incômodo. E não para por aí: se você já utiliza correntes e pulseiras, isso trará uma assimetria pouco interessante. A dica é, no máximo, intercalar entre os dedos: um sim, outro não.

3. Combine com outros acessórios

pulseiras-acessorios-formais

Em sintonia com o que falamos nas duas dicas acima, a terceira é pensada nos anéis como joias componentes de todo o seu estilo. Em outras palavras, cada escolha de anel precisa combinar com outros acessórios.

Sejam questões temáticas, cores e tons, formatos mais circulares, quadrados ou rústicos, tudo pode ser pensado em uma única direção. Por exemplo, anéis podem ser uma extensão de colares que, no meio do caminho, casam com as pulseiras.

Mas, o próprio ‘look’ também faz parte dessa composição. Jaquetas de couro com anéis que trabalham o preto e dourado são uma tendência que rompe gerações. Tudo isso pode ser feito de acordo com seu próprio estilo e como você se sente bem. Alguns testes podem te guiar na melhor escolha.

Confira nossas pulseiras em nossa loja online: Leão de Neméia

 

4. Metais variados: uma tendência moderna

Anéis Masculinos

Havia uma época, algumas décadas atrás, que a combinação de metais era quase que uma regra para quem utilizava anéis. Esse hábito, recorrente e comum principalmente entre os milionários, continua existindo. Mas, divide espaço com uma tendência moderna que só cresce.

Estamos falando dos metais variados. Além de trazer a diferença natural entre sua fabricação, também possuem estilos próprios. Não se trata apenas de intercalar ouro e prata, mas variar inúmeros tipos de metais.

Titânio e tungstênio, por exemplo, possuem formatos que geralmente são simples, mas muito diferentes que seus ‘irmãos’ metálicos ouro e prata. Isso faz toda a diferença para quem quer utilizar o acessório de uma maneira moderna, mas que também é bem singular.

Uma dica extra: até mesmo semijoias ou fabricações de latão, para ficar no básico, podem criar a composição variada que tanto procura. A tática? Experimente e teste. Uma hora a combinação sairá perfeita com vários metais.

 

pulseiras-masculinas-dicas-de-combinacoes
Confira também dicas para combinar pulseiras masculinas.

5. O que cada dedo representa?

Essa é uma preciosa lição que trazemos de como usar os anéis masculinos que muitos podem não saber. O mais famoso deles já vem com ‘nome de fábrica’: o anelar esquerdo, onde são colocadas as alianças do casamento. Mas, os outros também têm uma representação ao longo dos tempos.

O próprio anelar, desta vez direito, quer dizer qualquer compromisso que não seja o próprio casamento. Por isso, a dica é que, caso você não utilize alianças de namoro, noivado ou matrimônio, opte por um anel que não seja circular, evitando a confusão com esses acessórios simbólicos.

Já o indicador, tradicionalmente, representa sua participação em determinado grupo – como pode ser bem notado em filmes. Aqui, contudo, não há tantos problemas: anéis de filiações a determinadas instituições geralmente são mais identificáveis pela joia ou símbolo incrustado nele, que pelo próprio indicador.

O polegar foi o primeiro dedo a receber o anel, e talvez o mais tradicional: argolas ajudavam nossos ancestrais a manusear instrumentos de caça, por exemplo. Ou seja, uma ótima dica de ‘homenagear’ os vigorosos homens dos primórdios civilizacionais.

Já o mindinho e o dedo médio não possuem algo que remeta a uma tradição, mas são dedos que cada vez mais levam os acessórios masculinos modernos.

6. Utilize de acordo com a sua personalidade

Anéis Masculinos

Todas as dicas acima redundem nesta: utilize os anéis de acordo com sua personalidade. Para isso, paciência e uma boa análise dos melhores acessórios são indispensáveis. Compare cores, formatos, metais, tamanhos, entre outros.

 

Também, veja se algum anel combina com os outros acessórios que já possui. Procure inspiração em pessoas que tenham o mesmo estilo, tornando o processo mais fácil. E, claro, sempre procure produtos de qualidade, para não ter contratempos, além de priorizar itens exclusivos, afinal, uma personalidade única chama muito mais a atenção.

Com essas dicas, além de entender o número do seu dedo, tudo ficará perfeito e os anéis passarão de simples composições, para algo inerente ao seu perfil (acredite: isso faz toda a diferença).

Conheça nossa loja e, com as dicas acima, comece agora a mesmo a escolher os melhores acessórios para você!

Acesse www.leaodenemeia.com.br